Programa nacional Criança Feliz vence um dos maiores prêmios do mundo na área de educação

Coordenado pelo Ministério da Cidadania, o programa promove o desenvolvimento adequado na primeira infância e foi reconhecido pelo WISE Awards 2019

(Foto: Divulgação/Ministério da Cidadania)

O Brasil venceu a edição de 2019 de um dos maiores prêmios internacionais da área de educação: o WISE Awards,  da Cúpula Mundial de Inovação para a Educação. O anúncio foi realizado pelo júri na manhã desta quarta-feira (4), em Madri, na Espanha. O prêmio reconheceu o trabalho desenvolvido pelo programa Criança Feliz, do governo federal, como uma das principais e mais inovadoras iniciativas do mundo na área.

-Publicidade-

O programa do governo federal foi selecionado entre 481 projetos, ao lado de outros da Inglaterra, França, Índia, Quênia, Ruanda, Jordânia, China e Estados Unidos. Considerada uma das mais concorridas e prestigiadas do mundo, a premiação reconhece e promove projetos comprovadamente eficazes que abordam desafios mundiais na área da Educação. Desde 2009, a WISE recebeu mais de 3.000 inscrições de mais de 150 países.

(Foto: Divulgação/Ministério da Cidadania)

A premiação é uma iniciativa da Fundação Catar e recebeu 481 inscrições, sendo 15 finalistas. Ao todo, seis projetos foram premiados: o Family Business for Education (Reino Unido/Serra Leoa, Nigéria e Libéria), United World Schools: Teaching the Unreached (Reino Unido/Camboja, Nepal e Myanmar), Micro: bit Educational Foundation (Reino Unido), Arpan’s Personal Safety Education Programme (Índia) e Akilah Institute (EUA/Ruanda).

-Publicidade-

Para chegar ao resultado final, o júri analisou critérios como a inovação e a capacidade de transformação nos  indivíduos, comunidades e sociedades, além da apresentação de um plano claro de desenvolvimento. “O Prêmio demonstra como as organizações globais e os governos podem enfrentar desafios educativos urgentes com soluções inovadoras de maneira sustentável”, disse Stavros Yiannouka, CEO da WISEA entrega do certificado e do prêmio de 20 mil dólares será realizada entre 19 e 21 de novembro, durante a reunião da Cúpula Mundial de Inovação para a Educação, em Doha, no Catar.

Criança Feliz

Segundo ministro da Cidadania, Osmar Terra, que está à frente do programa Criança Feliz, o apoio às famílias e às crianças nos primeiros mil dias de vida pode mudar o futuro das novas gerações. “O programa Criança Feliz teve um apoio decisivo do presidente Bolsonaro e da primeira-dama, Michelle Bolsonaro. Neste governo, mais que dobrou o número de atendimentos e vamos chegar a um milhão de crianças acompanhadas ainda esse ano. Esse apoio do programa às famílias é decisivo para fazer com que as crianças tenham uma escolaridade maior, uma profissão bem remunerada no futuro e possam ajudar a família a sair da pobreza”, ressaltou.

O ministro Osmar Terra, durante palestra no Seminário Internacional Pais&Filhos (Foto: Gustavo Morita)

Lançado em outubro de 2016, o Criança Feliz integra ações nas áreas da saúde, assistência social, educação, justiça e cultura, tendo como ponto central a visita semanal de técnicos às casas das famílias de baixa renda para acompanhar e estimular o desenvolvimento das crianças de até três anos que recebem o Bolsa Família e de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). As gestantes também recebem atendimento.

O Criança Feliz é um programa para causar impacto domiciliar na vida das famílias, orientando e as ajudando a como estimular as crianças de 0 a 6 anos (Foto: divulgação)

Para o ministro, o apoio às famílias e às crianças nos primeiros mil dias de vida pode mudar o futuro das novas gerações. “A diferença entre uma criança que é maltratada ou negligenciada de uma que recebe amor é enorme. Se a criança sofrer algum abuso entre o oitavo e décimo oitavo mês de vida, terá consequências negativas pelo resto da vida. O que torna a pessoa menos agressiva é justamente os cuidados e os limites dados pela família. São os filhos criados por nós que irão mudar o mundo lá na frente. E o que muda o mundo é o desenvolvimento humano, a ciência e a educação”, disse o ministro, durante palestra no 7° Seminário Internacional Pais&Filhos, realizado em maio de 2019.

O Programa está presente em 2.620 municípios e já atendeu, até o momento, 631.568 crianças e 123.108 gestantes. No total, foram realizadas mais de 19,9 milhões de visitas por cerca de 18 mil profissionais.

Fonte: Ministério da Cidadania

Leia também:

“A criança cuidada com amor passa a explorar o mundo de forma mais rápida”, afirma o Ministro Osmar Terra

Programa Criança Feliz é reconhecido nos Estados Unidos durante palestra em Harvard

Benefícios do programa nacional Criança Feliz são reconhecidos por outros países

    -Publicidade-