Mulher perde bebê depois de médico falar que vazamento de líquido amniótico era “xixi na cama”

Charlotte Jackson e James Harris estavam ansiosos pela chegada de Jacob – e ficaram devastados com a negligência do hospital

Resumo da Notícia

  • Charlotte Jackson e James Harris estavam esperando ansiosamente pela chegada de Jacob
  • Contudo, o casal teve um natimorto
  • Ao portal Mirror, Charlotte contou que o médico responsável pela sua gestação chegou a falar que o vazamento de líquido amniótico era xixi na cama

Que tragédia! Charlotte Jackson e James Harris aguardavam ansiosamente a chegada de Jacob, quando descobriram que seu filho era um natimorto. Devastada com a situação, a mãe conversou com o portal Mirror e contou que o médico responsável pela sua gestação chegou a falar que vazamento de líquido amniótico era “xixi na cama” –  que ignorou os alertas dela com relação a dores de cabeça e mal-estar constantes.

-Publicidade-

“Durante a minha gravidez com Jacob, eu estava com um humor muito positivo e estava ansiosa para ser mãe novamente. Fui ao hospital algumas vezes e compareci a várias consultas, mas em nenhum momento a equipe parecia que havia algo com que se preocupar. Mas tudo isso mudou durante a minha avaliação pré-cirurgia”, relembra Charlotte.

A mãe relata que percebeu que, depois de uma gestação em que sentia o bebê super ativo, o menino estava se mexendo cada vez menos. E chegou a alertar o médico sobre a mudança.

Charlotte perdeu o pequeno Jacob (Foto: Reprodução/ Mirror)

“Eu estava muito preocupado e chateado. Jacob sempre foi um bebê muito ativo, então quando eu percebi que seus movimentos estavam reduzidos, tive um pressentimento de que algo não estava certo. No entanto, fiquei chocado quando me disseram que era um problema e que provavelmente faria xixi na cama. Apesar dos meus medos, parecia que eles queriam que eu saísse do hospital porque estava cheio. Esse medo só cresceu nos dias seguintes”, contou.

Charlotte conta que o dia do nascimento de Jacob – que era para ser extremamente feliz – se transformou numa tragédia. “Dar à luz Jacob foi absolutamente horrível. É quase impossível colocar em palavras a emoção de tudo isso, sabendo que seu bebê já havia morrido”.

Antes da chegada do bebê, ela ainda relatou que chegou a se encaminhar para o hospital duas vezes, por causa de dores no estômago. Por causa de uma gravidez diagnosticada como de alto risco, os médicos marcaram uma cesárea para o nascimento de Jacob. Em uma avaliação antes do procedimento, porém, os enfermeiros anestesistas notaram um vazamento de líquido – que alegaram ser apenas xixi.

Charlotte, anos depois do ocorrido, foi indenizada pela instituição. “Eu entendo que Jacob poderia ter nascido saudável se tivéssemos combinado o parto mais cedo. Lamento muito que tenhamos decepcionado você e Jacob”, declarou Louise Barnett, executiva-chefe do hospital em que Jacob nasceu.

Charlotte é mãe de três crianças (Foto: Reprodução/ Mirror)

Anos depois da tragédia com o bebê, Charlotte e James encontraram um final feliz: em 2020, o casal deu à luz Ronnie-Jack. Além dele, o casal também é pai de Noah. Mesmo assim, desabafam sobre a falta do filho.

“Quando descobrimos que estávamos esperando novamente, fomos dominados por uma mistura de emoções”, relembra a mãe. “Nunca esqueceremos Jacob. Ele sempre fará parte da nossa família e seus irmãos crescerão sabendo tudo sobre ele e o quanto o amamos. Apenas parte nosso coração que ele não está se divertindo com os irmãos”, desabafou, enfim.