Por que os pés crescem durante e após a gravidez? Saiba o que fazer para evitar

Apesar de ser bastante provável, pode ser que essa situação aconteça ou não com você. Para isso, veja algumas dicas simples para prevenir e como perceber se eles estão realmente aumentando de tamanho

Resumo da Notícia

  • Saiba por quais motivos isso pode acontecer
  • Entenda se é possível perceber o aumento dos pés e como evitar que eles cresçam
  • Veja 6 dicas para manter os pés saudáveis durante a gravidez

Entre as grávidas, existem algumas reclamações de que os pés aumentaram de tamanho logo após a gestação. Apesar de parecer improvável, te contamos que isso pode ser possível, sim! Segundo um estudo feito pela Universidade de Iowa, nos Estados Unidos, 49 gestantes tiveram os pés medidos enquanto estavam no primeiro trimestre da gestação e cerca de cinco meses após darem à luz, o processo foi repetido. Para a surpresa dos pesquisadores, em cerca de 70% dos casos foi notado os pés mais largos e compridos.

-Publicidade-
O principal causador do aumento dos pé é a relaxina (Foto: iStock)

Por que isso pode acontecer?

Durante a gravidez, com a produção do hormônio relaxina, os ligamentos pélvicos e articulações tendem a ficar “mais soltos”, fazendo com que os ligamentos dos pés também estejam mais relaxados. Por causa disso, e também pelo aumento do peso, o corpo aplica uma maior pressão sobre a arcada dos pés, os deixando mais achatados e fazendo com que eles aumentem. No estudo, as medidas cresceram entre 2 e 10 milímetros, resultando em até um número maior no tamanho dos sapatos. Apesar das novas medidas alguns meses após o parto, não existem comprovações de que elas permaneçam para sempre.

“Por causa do desabamento do arco plantar, o pé, que era curvado, pode ficar um pouco mais achatado e isso levar a um pequeno aumento do comprimento. Então tanto para isso como para a largura, de fato, pode ter um efeito que persista depois”, comenta o nosso colunista, Dr. Igor Padovesi, pai de Beatriz e Guilherme, que é obstetra e ginecologista.

-Publicidade-

Como sei se meu pé está crescendo?

É muito comum confundir o aumento dos pés com os inchaços causados pela gestação. Para distinguir as situações, a observação será sua principal aliada. Se os membros inferiores ficam maiores apenas durante o dia é possível que seja por causa dos inchaços, agora se a sensação e aparência permanecem durante noite e dia, pode ser que eles estejam crescendo, de acordo com a Associação de Pés e Tornozelos da Carolina do Norte.

Os pés podem aumentar em até um número! (Foto: Getty Images)

É possível evitar?

Ainda segundo a Associação, para diminuir as chances de ter pés maiores após a gestação, algumas dicas simples podem ser colocadas em prática. A primeira delas é não ultrapassar o peso máximo indicado, praticar exercícios e alongamentos adequados para os pés durante a gravidez, e optar pelo uso de palmilhas especiais.

6 dicas para ter os pés saudáveis durante a gravidez:

  • Diminua o tempo andando descalça;
  • Use sempre sapatos com  suporte e que permita uma boa circulação para os pés;
  • Em caso de inchaço, deixe-os elevados;
  • Opte por massagens nos pés;
  • Se exercite regularmente para promover a circulação sanguínea;
  • Use órteses, se indicados por um profissional, para distribuir o peso de maneira uniforme.

-Publicidade-