Notícias

Chá de revelação acaba em desastre ambiental e multa de 220 mil dólares

O que era para ser um dos dias mais felizes da vida dos pais, virou um pesadelo

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

(Foto: Getty Images)

O desastre aconteceu na Floresta Nacional de Coronado, no Arizona, Estados Unidos (Foto: Getty Images)

O que era para ser um dos melhores dias da vida de um casal, acabou virando um pesadelo. Dennis Dickey e sua esposa se preparavam para descobrir o sexo do bebê no chá de revelação, em meio a Floresta Nacional de Coronado, perto de Green Valley, no Arizona. Era um dia de primavera, quando a vegetação costuma ficar seca nos Estados Unidos e os ventos ficam mais fortes.

Para a revelação, Dennis preparou um alvo com uma pólvora que iria explodir na cor rosa ou azul. Além disso, ele adicionou uma substância altamente explosiva.

Quando o Dickey disparou seu rifle a forte explosão soltou fagulhas no mato seco do local e deu início a um grande incêndio.

O futuro pai se assustou e tentou apagar, mas por conta dos ventos que estavam a 64 km/h, as chamas se espalharam e atingiram 19.000 hectares da floresta. A situação obrigou moradores da região abandonarem suas casas e mobilizou cerca de 800 bombeiros.

Os danos foram caculados e avaliados em cerca de US$ 8 milhões. Ao todo o incêndio durou quase duas semanas, mas nenhuma propriedade foi afetada.

Dennis Dickey se declarou culpado por ter causado, acidentalmente, o incêndio. Ele foi condenado a cinco anos em liberdade condicional e concordou em participar de um anúncio de utilidade pública do Serviço Florestal. Além de pagar uma indenização de US$220.000.

O sexo do bebê acabou nem sendo divulgado.

Leia também:

Pesquisa prova que brincar ao ar livre ajuda a prevenir miopia 

Simone faz piquenique improvisado com filho no chão do aeroporto

Pai cria robô salva-vidas após perder filha recém-nascida por infecção hospitalar