Governador do ES anuncia a suspensão das aulas nas redes públicas e privadas

Durante esta semana ainda terá uma equipe de professores e diretores nas escolas, para que as famílias possam se organizar diante a suspensão

Resumo da Notícia

  • O coronavírus já é considerado uma pandemia
  • Governador do ES anunciou a suspensão das aulas na última segunda
  • Até o final dessa semana, professores ainda frequentarão as escolas para que pais se organizem com a nova rotina
Salas de aula ficam vazias (Foto: Getty Images)

Renato Casagrande, governador do Espirito Santo, informou na tarde desta segunda-feira, 16 de março, que as aulas de toda a rede pública serão suspensas, devido aos alertas sobre a pandemia do coronavírus.

-Publicidade-

Essa medida também será adotada pelo Sindicato das Escolas Particulares do Estado (Sinepe-ES) e União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

A suspensão irá começar a partir desta terça e sexta-feira (17 a 20 de março), iniciando na próxima segunda, 23 de março, a antecipação das férias escolares de julho até o dia 4 abril.

-Publicidade-

De acordo o governador, a medida serve para atender ao decreto de emergência publicado pelo Estado nesta segunda-feira para evitar a propagação do coronavírus.

Durante esta semana ainda terá uma equipe de professores e diretores nas escolas, para que as famílias possam se organizar diante a suspensão.

“Esses profissionais deverão ficar em uma área reservada da unidade escolar para evitar muito contato, senão, essa medida não vai adiantar nada”, explicou o governador.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-