Boa notícia! Mãe dá à luz gêmeos enquanto estava em coma por Covid-19 e se recupera

Perpetual Uke foi internada no final de março no Hospital Municipal de Birmingham, na Inglaterra, por causa da Covid-19 e passou por uma cesárea de emergência

Resumo da Notícia

  • Uma mãe deu à luz gêmeos enquanto estava em coma induzido por causa da infecção pelo Covid-19
  • Perpetual Uke foi internada no final de março no Hospital Municipal de Birmingham, na Inglaterra
  • Em 10 de abril, a britânica deu as boas-vindas a Sochika e Osinachi através de uma cesárea de emergência

Uma mãe deu à luz gêmeos enquanto estava em coma induzido por causa da infecção pelo Covid-19. Perpetual Uke foi internada no final de março no Hospital Municipal de Birmingham, na Inglaterra, e logo levada para os cuidados intensivos com respirador. Em 10 de abril, a britânica deu as boas-vindas a Sochika e Osinachi através de uma cesárea de emergência. 

-Publicidade-
A mãe não acreditou ao acordar (Foto: Reprodução / BBC)

O parto aconteceu durante a vigésima sexta semana de gestação. Perpetual, que é médica reumatologista, disse em entrevista à BBC que relutou em acreditar que os bebês eram seus filhos ao acordar.  O nascimento, segundo ela, “foi inacreditável”, e ao ver as crianças, ela ”não acreditava”.

Esquenta Black Friday

A Black Friday da Amazon está chegando! Para conferir os produtos que já estão com descontos incríveis em todas as categorias do site, clique AQUI! Você ainda pode ter frete grátis e promoções exclusivas ao se tornar um membro Prime! A assinatura é de apenas R$ 9,90 por mês e também garante entrega mais rápida, acesso a filmes, séries e desenhos animados. Inscreva-se e ganhe 30 dias grátis CLICANDO AQUI.

-Publicidade-
Os irmãs nasceram prematuros (Foto: Reprodução / BBC)

A britânica, que já era mãe de dois filhos, relembra o momento após passar 16 dias internada: “Quando me mostraram as fotos, eram tão minúsculas, não pareciam seres humanos, não pude acreditar que eram minhas”. “Eu estava grávida de 24 a 25 semanas, nessa fase, e quando acordei, estava muito desorientada. Pensei que tinha perdido meus filhos, porque não conseguia ver minha barriga mais. Eu estava realmente preocupada”, disse a mãe para o Sky News. 

Já o companheiro de Perpetual, Matthew, disse que foi assustador saber que o parto aconteceria com a esposa ainda em coma. “Foi realmente assustador … a cada dia que passava eu ​​esperava que minha esposa não estivesse entre os que morreram”, disse ele. “Somos uma equipe, a ideia de que ela pudesse não estar lá era muito difícil de aceitar”, completou.

O pai explica que os bebês que nasceram prematuros finalmente receberam alta em novembro e estão “melhorando com o passar dos dias”. “Eu nunca quis que eles passassem por esse caminho difícil no início de suas vidas. Eles não puderam ver sua mãe por duas semanas, o que obviamente me deixou muito triste, mas, o mais importante, as coisas haviam progredido bem”, afirmou.

Seminário Internacional Pais&Filhos

O 10º Seminário Internacional Pais&Filhos – Quem Ama Cria está chegando! Ele vai acontecer no dia 1 de dezembro, com oito horas seguidas de live, em formato completamente online e grátis. E tem mais: você pode participar do sorteio e ganhar prêmios incríveis. Para se inscrever para os sorteios, ver a programação completa e assistir ao Seminário no dia, clique aqui!

-Publicidade-