Família

Malas prontas? Hora de conhecer os 5 melhores países para morar com a sua família

Vamos te contar tudo

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

Malas prontas? (Foto: iStock)

Já pensou morar em um país perfeito? Onde saúde e educação são de qualidade e gratuitos, tenha segurança, a desigualdade é inexistente e todo mundo vive bem… Parece até conto de fadas, né?

Mas existem alguns lugares no mundo em que essas características são bem presentes. De acordo com o ranking dos Melhores Países de 2019, que é usado para dizer quais são os países mais desenvolvidos, os países nórdicos ocupam as 5 primeiras posições.

5º lugar – Finlândia

Assim que um bebê nasce, os pais recebem uma caixa conhecida como “baby box”: um kit com roupas, produtos para cuidados e um livro com dicas. Além disso, o país tem creches gratuitas até que a criança faça 7 anos de idade.

4º lugar – Canadá

Os funcionários têm direito a 17 semanas de licença-maternidade. Se os dois pais estão cuidado de um recém-nascido ou um filho que acabou de ser adotado, a licença parental pode ser de até 63 semanas.

3º lugar – Noruega

Nesse país, a licença parental é remunerada durante 44 semanas, porém se os pais quiserem estender o período por mais 10 semanas, eles receberão 80% da quantia. Se ambos não tiraram pelo menos 6 semanas de licença, eles perdem os direitos ao pagamento.

Além disso, os pais recebem um benefício infantil de 123 dólares. Quem cria o filho sozinho, recebe o dobro do valor.

2º lugar – Dinamarca

O movimento “Forest School” é muito conhecido e começou na Dinamarca. O objetivo é que as crianças passem mais tempo ao ar livre e brinquem com objetos que encontram na natureza. Isso ajuda a melhorar a coordenação física e faz com que as crianças comecem a entender a importância da autonomia.

1º lugar – Suécia

O primeiro país da lista é de deixar o queixo caído: os pais têm direito a 16 meses de licença parental e recebem 80% do salário no primeiro ano. Além disso, eles recebem uma mesada de 113 dólares por criança e podem usá-la para economizar com a pré-escola.

Além disso, se as crianças ficam doentes e os pais optam por tirar uma folga, eles também tem direito a 80% do salário.

Tudo bem, mas em que posição está o Brasil?

De acordo com o estudo, nosso país está na 27ª posição, ou seja, nem bom nem ruim. “É um dos principais destinos turísticos no mundo, porém, no século XXI, enfrenta questões muito sérias, como pobreza e desigualdade”, diz a pesquisa.

Leia também:

Conheça o país que proíbe as pessoas de comemorarem aniversários

10 países mais felizes do mundo para você morar com a sua família

Projeto paga turistas para visitarem o país mais feliz do mundo e já estamos fazendo as malas