Criança

Síndrome rara faz com que bebê de três anos pareça recém-nascido

Matthew foi diagnosticado com nanismo aos dois meses

Nathalia Lopes

Nathalia Lopes ,Filha de Márcia e Toninho

Matthew tem uma síndrome muito rara (Foto: Reprodução/GoFoundMe)

Matthew Riddle tem três anos, mas os pais demoram a convencer as pessoas, que não o conhecem, disso. Ele nasceu com uma síndrome muito rara de nanismo, MOPD tipo 2. A mutação faz com que ele pareça, por ser pequeno, muito mais novo do que ele realmente é.

Quando ele tinha sete meses, precisou passar por um tratamento intensivo na no hospital da Universidade da Califórnia. Foi quando a mãe do garoto, Jenevive conversou, com a imprensa local sobre a saúde do bebê.

Ela diz que ele nasceu com apenas 510g e que na época, as roupas dele vinham de uma loja de roupas para bonecas. Mas a pior fase foi o diagnóstico errado, os médicos de Louisiana disseram que ele tinha microcefalia.

Vários diagnósticos 

“Antes de recebermos alta eles disseram que ele tinha a microcefalia. Naquela época, fomos explicados que seu cérebro parou de crescer, nos disseram que Matthew não viveria muito tempo, para não esperar valor da vida”, disse à WLKY.

O diagnóstico certo veio quando ele tinha dois meses. “Os médicos disseram que Matthew daria uma volta por cima, ele falaria e iria para a escola. Mas  ele seria extraordinariamente pequeno. Matthew será como todo mundo. Ele vai jogar bola como um garoto normal, ele é apenas um pouco menor, não há nada errado em ser diferente”.

O menino tem mais dois irmãos mais velhos e Genevive diz que eles tentam ao máximo manter a rotina de uma família normal. Mas como os tratamentos do menino eram muito caros, eles precisaram abrir uma vaquinha para ajudar nos custos.

Veja como o menino está hoje, aos três anos de idade:

Matthew, acredite se quiser, tem três anos (Foto: Reprodução/Facebook Matthew Riddle)