Chega de dor nas costas! Veja os cuidados com a postura no home office durante a quarentena

Com a recomendação de isolamento domiciliar, muitas empresas aderiram ao trabalho em casa. Para garantir a produtividade e bem-estar, confira algumas dicas do fisioterapeuta Bernardo Sampaio

Resumo da Notícia

  • Para garantir a mesma produtividade e bem-estar no home office, é necessário alguns cuidados
  • Veja as dicas do fisioterapeuta Bernardo Sampaio para aliviar as dores musculares ao final do expediente
  • Tem exercícios para os punhos, braços, pescoço, pernas e panturrilhas
É importante fazer exercícios ao longo do dia (Foto: Getty Images)

A rotina mudou, o ambiente mudou, os colegas de trabalho mudaram, mas o trabalho não. Com a pandemia do coronavírus e a necessidade do isolamento domiciliar para conter a disseminação, várias empresas permitiram que os funcionários trabalhassem de casa. A medida vem se mostrando bastante efetiva, mas a grande questão do home office é que a maioria das pessoas não possui estrutura física e ergonômica para se manter da mesma forma que em um escritório. 

Fica mais complicado ficar sentado em frente ao computador por 8h diárias, focar a atenção totalmente no serviço, ter um espaço adequado para realizar as tarefas. O fisioterapeuta e diretor clínico do ITC Vertebral Bernardo Sampaio destaca que fazer pequenos ajustes no ambiente residencial vai além de arrumar um lugar tranquilo para se manter longe das distrações e que um dos principais erros na hora de trabalhar de casa é justamente não ter o local preparado.   

“Não contar com uma cadeira ou mesa específica para o trabalho é o grande vilão desse profissional. A dica nesse caso é não ficar muito tempo na mesma posição: se possível faça um apoio para a coluna lombar com uma toalha dobrada. Isso pode ajudar a reduzir os sintomas de dor nessa região e levantar de tempos em tempos se faz necessário”, recomenda. Outra dica importante que não costuma ser seguida é delimitar um espaço de trabalho

O ideal é ficar em um ambiente isolado (Foto: reprodução)

Nada de computador no sofá ou na cama. Em um primeiro momento, pode até parecer confortável, mas ao longo do dia, além de ser prejudicial à saúde, também reduz a produtividade. “Isso pode causar dores e até lesões no futuro, posturas inadequadas diminuem a concentração. Por isso, é importante que você aja como se estivesse na empresa. Sempre atento a posição do seu corpo ao longo do dia, com a tela do computador na altura dos olhos e as mãos apoiadas”, completa. 

Um dos pontos que mais sentimos é a coluna, mas tem outras regiões que também merecem atenção, como pescoço, punhos e panturrilhas. Alongá-las de tempos em tempos ajuda muito a prevenir futuras dores. Confira as dicas de alongamento do fisioterapeuta para tornar essa mudança mais tranquila:

  • Pulsos: para aliviar essa parte do corpo, você deve fazer rotações em sentido horário e anti-horário nos dois pulsos. Você pode fazer estas repetições sempre que começar a sentir dores ou entre o final de uma tarefa e início de outra
  • Braços: Junte as mãos e estique os braços para cima, deixando a postura ereta e o corpo bem elevado. Se mantenha nessa posição por 20 segundos e repita o movimento a cada duas horas (ou no intervalo de tempo que achar necessário). Você também pode variar a direção, fazendo isso com os braços para a frente, pelo mesmo tempo. 
  • Pescoço: Para movimentar o pescoço e aliviar a tensão que geralmente depositamos nesta região, a dica é começar com movimentos bem suaves. Incline a cabeça, por 5 segundos, para cada lado e repita por 5 vezes. Depois faça o mesmo para frente e para trás e para finalizar faça o movimento de rotação completo nos dois sentidos, duas vezes para cada um deles.
  • Pernas: Para diminuir toda pressão que as pernas sofrem por ficarem na mesma posição durante horas, você pode realizar um exercício super discreto: estique uma perna até ficar reta e flexione os joelhos para baixo, repetindo o movimento 10 vezes em cada perna. Na última repetição da série, deixe cada um dos membros inferiores esticados por 15 segundos. Além disso, não se esqueça de dar uma caminhadinha pela casa a cada duas ou três horas para ativar a circulação sanguínea.
  • Panturrilhas: Na hora em que você estiver em pé por algum motivo, junte as pernas, fique na ponta dos pés e, depois volte a posição inicial. Repita isso de 10 a 15 vezes sempre que puder. 

Seguir essas dicas irá ajudar a diminuir a tensão ao final do dia assim como aquelas dores físicas. Bora começar a praticar!

 

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!