Mãe divide opiniões depois de pedir para outros pais pararem de fazer cócegas nos filhos

Ela argumentou que continuar a brincadeira sem o consentimento da criança é uma forma de abuso infantil. Alguns internautas concordaram com ela, outros discordaram totalmente

Resumo da Notícia

  • Mãe divide opiniões depois de pedir para outros pais pararem de fazer cócegas nos filhos
  • Ela disse que continuar brincando mesmo quando a criança pode é 'abuso infantil'
  • Alguns pais concordaram com ela, outros discordaram totalmente
  • Veja o que ela disse

Uma mãe dividiu opiniões após pedir para que os pais parassem de fazer cócegas nos filhos por considerar o ato “abuso infantil”. De acordo com o jornal Mirror, a mulher não identificada alegou que, caso uma mãe ou pai estiver fazendo cócegas no filho e ele pedir para parar, esses devem parar o ato imediatamente, mesmo que for apenas uma brincadeira. Ela explicou que, para ela, toda brincadeira deve ser feita com consentimento e parar no minuto em que o filho pede os ensinará que eles têm controle sobre o próprio corpo.

-Publicidade-
Ela acredita que o ato é ‘abuso infantil’ (Foto: Getty Images)

Alguns pais, no entanto, não concordaram com a colocação da mulher e disseram que as cócegas são apenas mais uma forma de diversão e brincadeira com os filhos. “Então, seria abuso infantil fazer isso com meu filho?”, perguntou uma mulher na publicação.  Ela continuou apontando que as crianças muitas vezes mudam de ideia – em um minuto eles gostam, no próximo não, então eles estão pedindo para receber mais cócegas.

Em resposta, a mãe disse que não importa qual seja o cenário, você deve sempre parar de fazer cócegas quando seu filho pedir, e embora eles gostem, isso não significa que eles querem que façam cócegas o tempo todo. Outro pai, no entanto, também contestou o argumento da mãe, dizendo que o filho não deve ditar as regras dentro de casa e, caso isso acontecesse, os pais estariam sujeitos a assistir vídeos de tratores e comer balas o dia todo.

-Publicidade-

A mãe, então, acrescentou que não acha que os pais devem parar completamente de fazer cócegas nos filhos, mas sim, simplesmente parar com o ato quando a criança pedir. Algumas mães concordaram com ela e falaram que parar quando a criança pede poderia ajudar a ensiná-los sobre respeito e consentimento. Outros, porém, não concordaram nem um pouco com a afirmação, argumentando que os pais devem ser a autoridade dentro de casa e que as cócegas são uma simples brincadeira, que não criará grandes traumas na vida dos filhos.

-Publicidade-