Médica que trabalha em UTI Neonatal fala sobre angústia de ver o filho internado com coronavírus: “Tortura”

A norte-americana Anna Zimmermann é mãe do menino Lincoln, de 4 anos. Ele precisou de oxigênio suplementar para conseguir respirar

Resumo da Notícia

  • A norte-americana Anna Zimmermann tem 44 anos de idade e 20 anos de profissão
  • Ela é especialista em recém-nascidos prematuros e trabalha em uma UTI Neonatal
  • O filho Lincoln, de 4 anos, contraiu o novo coronavírus
  • "Como mãe, era uma tortura assistir à sua luta"
 
Anna e a família (Foto: reprodução / Facebook Anna Zimmermann)

A norte-americana Anna Zimmermann tem 44 anos de idade e 20 anos de profissão. Ela é especialista em recém-nascidos prematuros e trabalha em uma UTI Neonatal no Colorado, Estados Unidos.

-Publicidade-

Ela resolveu fazer um relato sobre como se sentiu ao ver o filho Lincoln, de 4 anos, internado. O menino contraiu o novo coronavírus e ficou uma semana no hospital e precisou de oxigênio suplementar para conseguir respirar.

Lincoln, de 4 anos (Foto: reprodução / Facebook Anna Zimmermann)

“Como médica, eu sabia o que estava acontecendo com ele, como estava sua respiração. E eu tinha total confiança de que estávamos fazendo todo o possível. Como mãe, era uma tortura assistir à sua luta“, disse em entrevista a BBC News Brasil.

-Publicidade-

-Publicidade-