Mãe compartilha regras de maternidade feitas nos anos 60 e mostra conselhos (muito!) inusitados

Em uma publicação feita no Facebook, ela contou que o documento foi dado quando a mãe dela tinha acabado de dar à luz

Resumo da Notícia

  • Micala Gabrielle Henderson publicou em seu Facebook a rotina que deram para sua mãe em 1968, com conselhos bem inusitados
  • O formulário com as regras foi emitido pelo Hospital Memorial Carrabus, localizado na Carolina do Norte, nos Estados Unidos
  • No documento, os conselhos estipulavam tempo de amamentação e até mesmo a alimentação das mães no pós-parto
Uma mãe compartilhou um conjunto de regras que as mães recebiam nos anos 60 (Foto: Getty Images)

Uma mãe decidiu compartilhar um conjunto de regras que as mães recebiam nos anos 60 e mostra como os tempos mudaram. Micala Gabrielle Henderson publicou em seu Facebook a rotina que deram para sua mãe em 1968, com conselhos bem inusitados.

-Publicidade-

O formulário com as regras foi emitido pelo Hospital Memorial Carrabus, localizado na Carolina do Norte, nos Estados Unidos. Inicialmente, as mães de primeira viagem eram instruídas a amamentar o bebê durante 5 minutos para que, no dia seguinte, elas amamentassem durante 7 minutos e depois por 15 minutos.

O documento é de 1968 (Foto: Reprodução / Facebook)

O documento também traz regras sobre o que as mulheres não podem comer, como chocolate, maçã, couve, morangos, cebolas, cerejas e bolo. “Minha mãe estava mexendo em algumas coisas aqui em casa e achamos isso aqui, são regras em relação a ter um filho. Isso me fez rir. Como os tempos mudam! Isso é de 1968! Ainda bem que as coisas mudaram, não consigo imaginar como seria essa rotina atualmente”, disse na legenda da publicação.

-Publicidade-

A foto viralizou nas redes sociais, sendo compartilhada mais de 10 mil vezes e ganhando mais de 4 mil curtidas e comentários. “Que loucura!”, disse uma seguidora. “Imagine isso nos dias de hoje, seríamos expulsas dos hospitais”, comentou uma mãe. “Estou muito feliz porque as coisas mudaram para a melhor”, disse outra usuária.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!