Inclusão: professora ajuda aluno cego com materiais totalmente táteis

Fabiana Rocha é professora de geografia

Professora inclui aluno cego com materiais 100% táteis (Foto: Reprodução/Facebook)

A professora de Geografia Fabiana Rocha, do Colégio Mario Schenberg, em Carapicuíba (SP), começou a dar aulas para a turma de Nathan há quatro meses e o maior desafio foi saber como o ensinar a disciplina de uma maneira que o aluno realmente entendesse.

-Publicidade-

Após estudar, pesquisar e pensar muito, a educadora resolveu usar materiais 100% táteis. Começou a criar gráficos, mapas, biomas e tudo que era possível com alimentos, produtos com diferentes texturas e assim, o menino iria entender através do tato.

“Quem me conhece sabe o quanto amo ser professora e como não consigo conceber a ideia de um aluno ser excluído de alguma maneira das minhas aulas e do processo de ensino e aprendizagem”, afirma.

-Publicidade-
Professora inclui aluno cego com materiais 100% táteis (Foto: Reprodução/Facebook)

No dia da prova, a professora preparou um teste diferente para Nathan. Fabiana sentou ao lado dele, que conseguia responder todas as questões da prova com os materiais. A professora não sabia o quão feliz ficava em ver que seu esforço teve resultado. Nathan estava aprendendo.

Na sexta-feira passada (13), Nathan presenteou Fabiana com um quadro e disse que queria ter desenhado a professora, chegando a perguntar à ela como eram seus traços, mas que resolveu não fazer “pois sempre quando pensa em seu rosto não ‘enxerga’ olhos, nariz e boca, mas uma luz”.

A educadora resolveu fazer uma postagem nas redes sociais que viralizou em pouco tempo.

Conheci o Nathan há 4 meses, em uma das escolas que dou aula… Passou a ser meu aluno após uma atribuição de mais 3…

Posted by Fabiana Rocha on Monday, September 16, 2019

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos:

Leia também:

Menino fica com medo no primeiro dia de aula e motorista escolar tem a melhor reação

Karina Bacchi acompanha filho no primeiro dia de aula

Princesa Charlotte tem a melhor reação no primeiro dia de aula 

-Publicidade-