Mãe descobre que irá receber rim do filho que acabou de perder em acidente

Dona Isabel lutou por 15 anos contra um problema renal grave e precisava de um transplante para voltar à vida normal. Para Magno, o maior sonho seria poder ajudar a mãe

Resumo da Notícia

  • Dona Isabel era paciente renal grave
  • O sonho de Magno era poder ajudar a mãe de alguma forma
  • Infelizmente, ele perdeu a vida em um acidente trágico de moto
  • Sem saber, a mãe receberia um dos rins do filho

Dona Isabel, de 65 anos, foi paciente renal grave por 15 anos. Nas idas e vindas ao hospital, que aconteciam cerca de três vezes por semana, ela fazia hemodiálise. Junto com os seis filhos, que sofriam junto com a mãe, a família sabia que a melhor solução seria o transplante de rim. Para conseguir o procedimento, ela aguardou na filha com outros dez pacientes.

-Publicidade-
Dona Isabel guardará para sempre as boas lembranças do filho (Foto: reprodução / vídeo Fantástico)

Magno, filho de Dona Isabel, se ofereceu para doar um dos rins quando tinha 28 anos, mas ela não aceitou por ele ser muito novo. No Dia das Mães deste ano, Magno gravou um vídeo dizendo que o maior desejo dele era que a mãe não precisasse mais fazer hemodiálise. “O amor dele foi para mudar isso aí. E ele me dizia: ‘Mãe, a senhora vai mudar dessa vida. Tenho fé'”, contou em entrevista ao Fantástico.

No dia 12 de julho, ele avisou para Dona Isabel que sairia de moto, mas acabou não levando o capacete porque seria rápido. Três dias depois, o hospital em que ele ficou internado confirmou a morte cerebral aos 34 anos. Com o choque, a família de Magno se questionou sobre a doação de órgãos. “No momento da dor me veio um sentimento de egoísmo, de que um órgão do meu irmão não poderia ser para a minha mãe e ela teria que continuar fazendo hemodiálise. E por mais que ele salvasse outras vidas, não salvaria a dela”, desabafou Isabela Monteiro.

-Publicidade-
Magno foi vítima de um acidente de moto e tinha o sonho de poder ajudar a mãe (Foto: reprodução / vídeo Fantástico)

No Brasil, a lei não permite que a família escolha o destino dos órgãos, pois as doações seguem uma lista que depende da inscrição, gravidade do caso e compatibilidade genética. “Foi um momento de muita dor, mas eu vou dar alegria para outras vidas, outras famílias, e Deus vai olhar a minha situação”, disse Dona Isabel.

Horas após a cirurgia de retirada dos órgãos, quatro pessoas iriam receber o coração, fígado e rins de Magno. Mas a família não esperava por uma ligação surpresa. Durante o telefonema, a médica explicou sobre um possível doador e pediu que ela fosse até o hospital. “Foi uma mistura de dor e emoção”, disse Isabela. Dona Isabel estava entre as dez pacientes com maior compatibilidade em uma lista de espera, mas ela teria ainda que fazer diversos exames pré operatórios.

Felizmente, Dona Isabel está se recuperando bem e poderá ter uma vida normal outra vez (Foto: reprodução / vídeo Fantástico)

O destino se encarregou de um final lindo para a história e sem saber, ela receberia um dos rins do próprio filho. Isabela lembrou que a médica disse que aquele dia, o sonho de Magno seria realizado. “O doador tem 34 anos e é de Campos”. Deise De Boni, coordenadora de transplante renal, também ficou surpresa: “Eu trabalho com transplante há muito tempo e é a primeira vez que me deparo com uma situação dessas”.

A equipe médica comemorou com o sucesso da cirurgia de Dona Isabel e sabiam da responsabilidade dela. Felizmente, ela poderá voltar a ter uma vida normal e não precisará mais da hemodiálise. Apesar da sensação de saudade, Magno sempre ficará perto da mãe. “A sensação é de que ele está aqui comigo”, concluiu.

O 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade está aí! Ele vai acontecer no dia 19 de agosto, completamente online e grátis. Serão oito horas de transmissão ao vivo e você pode acompanhar tudo neste link aqui. Esperamos por você!

-Publicidade-