Não pare a amamentação! O leite materno tem poder imunológico contra coronavírus

Todo mundo está cansado de saber dos benefícios do aleitamento materno. Mas você sabia que ele é ainda mais essencial nesse momento de pandemia? Entenda o porquê

Resumo da Notícia

  • Todo mundo já sabe dos benefícios do aleitamento materno para o bebê, mas você sabia que é ainda mais importante frente à pandemia?
  • O leite materno é considerado a melhor prevenção que um recém-nascido pode ter contra a doença
  • Saiba quais cuidados tomar na hora da amamentação
Mais do que nunca é fundamental amamentar seu filho (Foto: reprodução)

Com a pandemia, várias perguntas surgiram. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), bebês até seis meses de vida devem ser alimentados exclusivamente pelo leite materno e devem continuar recebendo até os dois anos de vida, com o acréscimo de outros alimentos. Mas como fica isso em tempos de coronavírus? Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e a FEBRASGO, a amamentação continua e deve ser realizada normalmente, mesmo nos casos em que as mulheres apresentam suspeita ou confirmação da doença. 

-Publicidade-

“Tanto órgãos nacionais quanto internacionais incentivam que a mãe suspeita e a mãe confirmada para o Covid-19, desde que esteja em boas condições de saúde e for o desejo dela, deve amamentar”, pontua Cinthia Calsinski, mãe de Matheus, Bianca e Carolina, enfermeira obstetra, consultora de aleitamento, colunista da Pais&Filhos. A SBP justificou o posicionamento dizendo que ainda não há nenhum estudo que aponte a transmissão vertical do vírus, ou seja, da mãe para o filho, através do leite. 

O isolamento social continua sendo válido para todos, inclusive mulheres que acabaram de dar à luz, mas há tem uma notícia boa: estar na fase de amamentação é a melhor coisa para os recém-nascidos, uma vez que o leite materno tem, naturalmente, uma função protetora e imunomoduladora, ou seja, que altera o sistema imunológico de acordo com a necessidade do organismo. “Diariamente ele modifica sua composição para proporcionar nutrientes e componentes específicos adequados a cada idade e situação”, explica a especialista. 

-Publicidade-

Cinthia enfatiza que o leite materno possui todos os nutrientes essenciais, fatores bioativos, componentes anti-inflamatórios e outros que contribuem para o crescimento e desenvolvimento do bebê. Por isso, considerando a pandemia que enfrentamos no momento, manter o bebê em aleitamento é a melhor prevenção que ele poderia ter. Fórmulas infantis, compradas prontas ou feitas em casa, não oferecem a mesma proteção, uma vez que não estimulam a imunidade da criança (não só enquanto mama mas também por algum tempo após o desmame. 

O leite possui os nutrientes que seu filho precisa (Foto: iStock)

A consultora relembra que, se a mãe tiver, por exemplo, um resfriado ou uma gripe enquanto amamenta, as chances desse vírus serem transmitidos para o bebê através da amamentação existem, mas o mesmo acontece com os anticorpos desenvolvidos pela mulher para combater essa doença, o que não só estimula, como garante que o bebê desenvolva imunidade à doenças semelhantes.

 

Para as mães com suspeitas ou contaminadas

Caso você esteja com suspeita ou contaminada com coronavírus, precisa seguir algumas recomendações extras:

  • Usar máscara: é fundamental usar esse acessório na hora de interagir com o recém-nascido
  • Não dar beijos e abraços: é difícil se segurar, mas esse esforço é muito bem-vindo nesse momento. Deixe para fazer isso depois que tudo passar
  • Fazer a higiene respiratória: lavar o nariz com soro e manter limpa as vias aéreas
  • Limpar e desinfetar todas as superfícies: mesa, cadeira e qualquer outro móvel. Tudo o que for possível ser desinfetado na sua casa
  • Pedir ajuda: mãe tem aquele costume de querer fazer tudo, mas é importante que possa pedir auxílio de alguém saudável que mora com você para dar o leite, caso prefira ordenhar

 

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-