Prevenção o ano inteiro: saiba quais hábitos ajudam a evitar doenças típicas de inverno

As doenças virais aparecem com mais frequência no frio, mas podemos (e devemos) aproveitar o resto do ano para adquirir hábitos mais saudáveis e fortalecer o sistema imunológico

Resumo da Notícia

  • O frio chega e com ele damos de cara com gripes e resfriados
  • É só as crianças apresentarem algum desses sintomas para acendermos o sinal de alerta
  • Por conta da pandemia, mais do que nunca estamos preocupados com a saúde
  • Devemos aproveitar o ano todo para criarmos hábitos mais saudáveis e nos protegermos dessas doenças

Todo ano é assim: basta o friozinho aparecer para as doenças virais, como gripes e resfriados, começarem a dar as caras. O tempo muda e logo surgem sintomas como tosse, febre e coriza. Isso acontece por causa de vários fatores, como umidade do ar, ambientes pouco arejados e superlotados. “Na época de inverno, todo mundo costuma ficar mais aglomerado e em lugares fechados. Esse é o grande problema, porque os vírus adoram tudo isso”, explica o pneumologista Thiago Caldi.

-Publicidade-
As doenças típicas de inverno podem ser prevenidas com hábitos mais saudáveis (Foto: Getty Images)

É só as crianças apresentarem algum desses sintomas para acendermos o sinal de alerta. Mais do que nunca estamos preocupados com a saúde das nossas famílias. A pandemia do novo coronavírus mudou a forma como encaramos os cuidados contra as doenças contagiosas. Agora, aprendemos que uma vez por todas que a preocupação com as doenças virais deve existir o ano todo. No inverno, elas se espalham com mais facilidade – é verdade –, mas isso não significa que podemos baixar a guarda nas outras épocas. Muito pelo contrário. Devemos aproveitar os outros meses do ano para adquirir hábitos mais saudáveis e fortalecer o sistema imunológico. A boa notícia é que, dá para atingir esse objetivo sem mudar muita coisa na rotina da família:

Hábitos saudáveis podem prevenir doenças durante o ano todo (Foto: Getty Images)

1) Mantenha a carteirinha de vacinação em dia
Cumprir todo o calendário vacinal é fundamental. As vacinas são a base da proteção e muitas delas nos blindam contra várias doenças respiratórias típicas de inverno. Certifique-se de que todos da família estejam com a carteirinha em ordem. Na dúvida, consulte o pediatra para saber se ainda falta alguma dose.

-Publicidade-

2) Faça a limpeza das vias aéreas
O nariz é a porta de entrada para vírus e bactérias. Ele funciona como um filtro e barra a entrada de partículas infecciosas. Para que o filtro funcione direito, ele precisa estar bem limpo. Por isso, é importante sempre fazer a higienização do nariz. Pode ser com água, spray, seringa… O importante é tornar isso um hábito. Mas é preciso atenção com a temperatura do líquido que é colocado nas narinas. “Se o líquido estiver muito gelado, ele irrita a mucosa, produz ainda mais secreção e a criança pode até piorar”, explica o pneumologista.

3) Tome bastante água e se mantenha hidratado
A água é essencial para manter o organismo funcionando direitinho. Ela ajuda na absorção de nutrientes, na excreção de substâncias, na digestão, na circulação e até na manutenção da temperatura corporal. Mas, se manter hidratado, não significa tomar muita água de uma vez só. O ideal é incorporar esse hábito à rotina, repondo o líquido, aos poucos, ao longo do dia.

Uma rotina regulada de sono melhora o funcionamento do organismo (Foto: Reprodução Pinterest/Parents)

4) Siga uma dieta saudável e equilibrada
A nossa saúde também é um reflexo do que colocamos no prato. Se mantemos uma dieta equilibrada e saudável, rica em vitaminas e nutrientes, o nosso corpo fica mais preparado para lutar contra os agentes infecciosos que podem aparecer. No caso dos bebês e das crianças menores, a amamentação é uma grande aliada. O leite materno oferece todas as substâncias que eles precisam para manter a imunidade em alta.

5) Crie uma rotina de sono
Noites bem dormidas são fundamentais para um bom funcionamento do organismo. Por isso mesmo, criar uma rotina de sono com as crianças ajuda muito a fortalecer o sistema imunológico. Quando estiver chegando a hora de dormir, diminua as luzes, dê um banho quentinho, conte uma história e coloque uma música tranquila de fundo. Acredite se quiser: seu filho vai ficar mais protegido dormindo bem.

6) Conheça os medicamentos naturais
Os medicamentos naturais também podem ser grandes aliados nesse processo e ajudar a fortalecer a imunidade. A Weleda, que é baseada na medicina antroposófica, por exemplo, busca criar uma terapia que ajuda o organismo a encontrar seu próprio caminho para sair da doença. A dica é usar no início das estações mais frias e manter o uso durante todo o inverno. O Previgrip é indicado como tratamento auxiliar de gripes, com estímulo ao sistema imunológico é um aliado para a saúde da família.

Em parceria com a Weleda, fizemos um bate-papo com o Dr. Thiago Caldi e Andressa Simonini, editora-executiva da Pais&Filhos, filha de Branca Helena e Igor, para tirar dúvidas sobre as doenças mais comuns dessa época do ano e dar dicas de prevenção para proteger toda a família.

Assista ao vídeo completo da live:

PREVIGRIP – Ferrum sidereum D10 + Phosphorus D5 + Prunus Spinosa D1. USO ORAL – USO ADULTO E PEDIÁTRICO. MS 1.0061.0072. INDICAÇÕES: Indicado no tratamento auxiliar, na prevenção de gripes, como estímulo ao sistema imunológico1. CONTRAINDICAÇÕES: Previgrip é contraindicado para pessoas com hipersensibilidade aos componentes da fórmula. Este medicamento CONTÉM ÁLCOOL (solução oral) / CONTÉM SACAROSE (glóbulos). PREVIGRIP É UM MEDICAMENTO. SEU USO PODE TRAZER RISCOS. PROCURE O MÉDICO E O FARMACÊUTICO. LEIA A BULA. SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO. Registrado por: Weleda do Brasil Laboratório e Farmácia Ltda. SAC 0800 55 32 66.

-Publicidade-