Notícias

Monique Alfradique comenta decisão de congelar óvulos aos 32 anos por causa da carreira

"Não é sonho, mas uma vontade futura”, disse a atriz sobre a maternidade

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Reprodução / Instagram @moniquealfradique)

(Foto: Reprodução / Instagram @moniquealfradique)

A atriz Monique Alfradique tomou a decisão, neste fim de ano, de congelar seus óvulos, porque não tem planos de se tornar mãe por enquanto. No auge de sua carreira, Monique declarou em entrevista que optou adiar seu desejo de ser mãe para não precisar pausar suas atividades profissionais.

“Minha carreira ainda está à frente da maternidade, comentou a atriz para a Marie ClarieMulheres, a partir dos 30 anos, têm menos chances de engravidar. E se você tem esse desejo, e é uma ‘workaholic’ como eu, precisa se organizar quanto a isso”.

Prestes a interpretar a mãe de duas crianças na série “Pais de Primeira”, quem enfrentará as questões da maternidade é Tais (interpretada por Renata Gaspar), a irmã da personagem de Monique. A série estreia ainda neste ano.

A atriz declarou que maternidade é uma vontade futura. (Foto: Reprodução / Instagram @moniquealfradique)

A atriz declarou que maternidade é uma vontade futura. (Foto: Reprodução / Instagram @moniquealfradique)

Sua personagem, Patrícia, tomaria decisões completamente diferentes: “Ela é mãe de Valentina, de 4 anos, e Enzo, de 6 anos, e se vira muito bem com a maternidade. Ela vem pra ajudar a solucionar tudo isso por conta da experiência. Acho que toda mãe de primeira viagem precisa de alguém para sanar todas as dúvidas.

A atriz acaba de terminar as gravações do filme “Reação Em Cadeia”, no qual faz o papel de Lara, uma jovem sedutora e interesseira, que será par de Guilherme, protagonizado por Bruno Gissoni. O longa tem previsão de estreia para 2019.

Leia também:

Doação de óvulos: já pensou nessa alternativa?

Entenda o congelamento de óvulos.

A resposta desse médico ensinou uma lição para as mães que não querem vacinar os filhos.