Pais

Como organizar o tempo para dar conta das atividades do dia a dia?

Dá para fazer tudo o que deseja em 24h

Yulia Serra

Yulia Serra ,filha de Suzimar e Leopoldo

É preciso ter tempo para obrigações e lazer (Foto: Getty Images)

Com a correria do dia a dia, é comum ter a sensação de que 24h não são suficientes para dar conta de tudo o que temos e queremos fazer. Mas, isso não é verdade. Se você se sente assim, não é de mais tempo que precisa, mas de uma melhor organização dele.

De acordo com a Master Coach Solange Santos, essa atividade diz respeito a determinar previamente as prioridades e se planejar, criando uma rotina para atender a sua necessidade e demanda.   

Mas se engana quem pensa que organizar o tempo só leva em conta as tarefas obrigatórias. Essa divisão deve considerar trabalho, lazer, descanso, tempo com a família e qualquer outra atividade inclusa na sua rotina.

“É preciso ter em mente que tudo o que é importante para uma vida mais feliz e produtiva deve ter o seu espaço”, opina Solange, e completa: “A falta de equilíbrio entre vida profissional e pessoal gera descompasso e insatisfação”.

Nesse contexto, é fundamental ter tempo para você mesma, para organizar as ideias, fazer o que ama, cuidar do corpo e da mente. Esse momento de cuidado próprio te dará energia e motivação para continuar.

Por isso, cultive e ponha em prática projetos pessoais, sejam eles quais forem. Um projeto interessante é o incentivo do consumo consciente, por meio do site Antes de Mim. Nesse brechó online exclusivo de produtos infantis, você pode vender as peças que seu filho não usa mais.

“É importante sob inúmeros pontos de vista: como um gerador de receita extra para quem anuncia, como redução de gastos para quem compra, em prol de mais vida útil para um artigo que exige muitos recursos do planeta, como forma de educar nossos filhos em relação ao consumo mais consciente”, justifica.

A mãe do João Pedro vive na pele os desafios e belezas da maternidade e conta: “Carrego comigo o desejo de acertar e contribuir positivamente, mas permito aceitar minha humanidade, alterar rotas, mudar os formatos, perdoar minhas falhas e seguir em frente com alegria e gratidão”.

Ela sabe que, para pensar assim hoje, foi importante falar e ser ouvida. Por isso, a especialista elogia outro espaço do site Antes de Mim, em que você pode deixar confissões anônimas e outras mulheres podem reagir com “curtir”, “abraçar” e “eu também”.

“Se sentir acolhido e compreendido faz um bem enorme à nossa humanidade”, explica. Mas além do apoio virtual, a coach reforça a importância do apoio do companheiro. Na hora de organizar a agenda, é necessário buscar um equilíbrio, priorizando as características individuais de cada um.

Para te ajudar, Solange separou cinco tópicos para você levar em conta na hora de organizar o tempo:

  • Crie listas de tarefas separando-as por prioridade, importância e urgência. Estas devem estar no topo da lista a serem realizadas primeiro.
  • Inicie o processo com listas menores e sinta o prazer em finalizar cada uma delas. De nada adianta colocar tarefas que não conseguirá executar.
  • Diariamente, reveja a lista do próximo dia, excluindo ou incluindo tarefas seguindo a mesma lógica sempre.
  • Lembre-se de que as tarefas mais importantes devem estar alinhadas com os seus principais objetivos.
  • Determine um tempo para cada ação, mesmo que não tenha muito ideia a princípio e vá ajustando, assim, terá cada vez mais claro quanto tempo precisará nas próximas vezes.  

 

E para te motivar a começar, a especialista mostra os benefícios dessa prática:

  • Menos surpresas. Com a gestão do tempo, temos menos imprevistos, como por exemplo, esquecer de pagar uma conta.
  • Menos ansiedade e estresse. Com tudo sob controle, reduzimos os estados emocionais ruins por sobrecarga.
  • Momentos de lazer. Uma agenda bem pensada nos propicia a vantagem de incluir atividades de lazer e tempo com as pessoas que amamos.
  • Mais tarefas executadas. Quando se está ciente do que precisa ser feito, é muito mais fácil gerenciar as ações e consecutivamente sermos mais rápidos com elas.
  • Menos retrabalho. Ser organizado está diretamente ligado a menos erros. Na correria, esquecemos de detalhes e deixamos coisas de fora.
  • Mais tempo livre. Com foco no que é prioritário, executamos as tarefas que tendemos a procrastinar e que geram maior desgaste quando não realizadas.
  • Menos esforço. Ao contrário do que muitos pensam, aprender a gerenciar o tempo não requer esforço extra e sim, permite que a vida se torne mais fácil, mais leve e mais feliz.
  • Menos problemas. Com uma rotina clara e bem organizada, reduzimos os problemas que normalmente criamos para nós e nos fazem sentir culpa, como deixar de ir em uma reunião de um filho por falta de tempo.

É fundamental adaptar e adequar esses passos para a sua realidade. Assim você terá tempo para o trabalho, lazer, casa, filhos, amigos, marido e até conseguirá achar um espaço para criar sua loja no site Antes de Mim e fazer uma renda extra!

Leia também:

Mãe quer ensinar filho a ser sustentável e dá o exemplo criando brechó online

Bicho de pelúcia é anunciado online depois de passar gerações na família: “Pode servir e ajudar outras pessoas”

Dos primeiros passos até a corrida: 12 opções de calçado para acompanhar o crescimento do seu filho