Pais&Filhos no Insta

Confira as fotos dos partos mais surpreendentes de 2018

Alguns nascimentos são muito raros

Isabella Zacharias

Isabella Zacharias ,Filha de Aldenisa e Carlos

Os partos de 2018 foram memoráveis (Foto: Reprodução / Instagram Thalita Castanha)

O ano de 2018 foi marcado por partos bem diferentes e emocionantes. Alguns são bem raros e as imagens deixaram muitas pessoas impressionadas (inclusive a gente!).

Como por exemplo, o caso da mãe que deu à luz no Mar Vermelho, no Egito. As fotos registraram o exato momento em que o recém-nascido foi retirado da mãe que, antes de se juntar ao filho, saiu da água como se tivesse acabado de dar um mergulho.

Acompanhada pelo parceiro e pelo médico, ela entrou no mar um pouco antes de iniciar o trabalho de parto. Apesar da falta de detalhes sobre o momento antes do parto, a presença do médico indica que o nascimento no meio do oceano foi planejado. Depois que o bebê nasceu, a placenta foi colocada em uma tigela e o recém-nascido foi levado para a costa, ainda preso ao cordão umbilical.

Identificada apenas como uma “turista russa”, a mãe deu à luz ao filho no meio do Mar Vermelho (Foto: Reprodução / CEN Facebook)

A fotógrafa e doula Jerusha Sutton também registrou um nascimento inusitado: o bebê chegou ao mundo, literalmente, com o pé direito. Para esclarecer sobre o assunto, a doula disse que o parto pélvico é um dos partos normais mais rápidos e diretos: “Eles dançaram juntos a linda dança do parto e nascimento, sem medo, sem dúvida e com total confiança um no outro”, explicou Sutton.

A doula Jerusha Sutton fotografou um parto pélvico (Foto: Reprodução/Instagram)

Outro registro de um parto incrível foi o de um bebê expelindo líquido amniótico por uma das narinas enquanto seu corpo ainda está dentro do canal vaginal da mãe. A foto foi feita pela fotógrafa australiana Victoria Berekmeri e é um dos destaques do Prêmio de Fotografia do Colégio Australiano de Parteiras, que tem a intenção de contribuir para a normalização e valorização do parto normal.

Em suas redes sociais, a fotógrafa escreveu: “Há muito sobre o nascimento que continua a me surpreender, e olha que já vi muita coisa! Fotografar partos é sobre enriquecer a nossa compreensão de como todos nós entramos neste mundo, e da sagrada, complexa e envolvente jornada do início da vida”.

A foto foi destaque do Prêmio de Fotografia do Colégio Australiano de Parteiras (Foto: Reprodução / Victoria Berekmeri)

No Brasil, Priscila Sandri postou em seu Instagram – que foi criado após ela descobrir sua gestação de quadrigêmeos – as fotos de seu parto. Os irmãos Diego, Antonella e Ícaro nasceram empelicados. O parto empelicado é uma condição rara em que a membrana da bolsa não se rompe durante o trabalho de parto. O registro foi feito pela fotógrafa Thalita Castanha.

Os quadrigêmeos Caio, Diego, Antonella e Ícaro nasceram em novembro de 2018 (Foto: Reprodução / Instagram Thalita Castanha / De Um Pra Cinco)

Leia também:

Concurso divulga as 20 fotos mais incríveis de parto em 2018: três delas são brasileiras

16 fotos de parto impressionantes que ganharam o prêmio de “Melhores do Ano 2018”

Hospital proíbe fotos na hora do parto e gera debate na internet