Bebês

Mãe fica em choque por dar à luz menino e descobrir que era menina duas semanas depois do parto

Ela sofria de uma síndrome que aumentava os órgão sexuais

Cinthia Jardim

Cinthia Jardim ,filha de Luzinete e Marco

O caso aconteceu no Cazaquistão (Foto: reprodução / Daily Mail)

Uma mãe está processando um hospital, no Cazaquistão, depois da maternidade dizer que ela havia dado à luz menino ao invés de uma menina. O erro quase foi fatal para a criança, pois disseram que ela tinha uma síndrome e corria risco de vida.

Kristina Bobkova, de 24 anos, disse que a criança sofria com um aumento nos órgãos sexuais, e que isso não foi visto antes. O clitóris e a vulva do bebê foram diagnosticados como um pênis e ela acreditou nos médicos. Após duas semanas, quando começou a desinchar, o bebê foi levado às pressas para o hospital, assim como informou a mãe ao canal KTK.

A menina está sendo tratada com medicamentos (Foto: reprodução / Daily Mail)

A criança precisou passar por especialistas e o caso foi tratado com os medicamentos corretos, salvando assim a vida da menina. Anna, como foi renomeada pela mãe, completou sete meses e Kristina falou sobre a filha: “Ela é uma garota pelo riso, pelo comportamento e até pelo grito. Ela se parece totalmente com uma garota, só tem um clitóris aumentado”.

O juiz ordenou que uma nova certidão de nascimento fosse emitida, e Kristina entrará com uma ação judicial contra o hospital. Anna está passando por tratamentos e uma cirurgia será feita entre os 18 meses e os dois anos da menina.

Leia também:

Mulher de 46 anos descobre que foi criada como filha por sequestrador e desabafa sobre pesadelo

Mulher faz desabafo depois de engravidar por causa de chá detox e conta como isso aconteceu

Menino de 4 anos mostra que homens também menstruam e foto viraliza