Saiba qual o estado de saúde da bebê de 3 meses que foi mordida após o pai surtar com o choro dela

O crime foi registrado no dia 14 de setembro em São José do Rio Preto

A bebê foi mordida pelo pai com 32 dias de vida (Foto: Getty Images)

Após ficar internada por 60 dias no Hospital da Criança e Maternidade (HCM), em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, a bebê de 3 meses que ficou gravemente ferida após ser mordida pelo pai recebeu alta.

-Publicidade-

Wilian dos Santos Domingues, de 23 anos, é o principal suspeito dos machucados da criança, que atualmente está com três meses de vida. Ele se entregou na Delegacia da Defesa da Mulher (DDM), quase uma semana depois de realizar o crime, cometido no dia 14 de setembro. O pai está preso preventivamente.

De acordo com Evandro Pelarin, juiz da Vara da Infância e Juventude de Rio Preto, que está cuidando do caso, a menina foi levada para uma casa de acolhimento da cidade, assim como informou o G1.

-Publicidade-

Entenda o caso

Margareth Franco, delegada responsável pelo caso, disse que Wilian alegou que estaria cuidando da filha enquanto a esposa havia saído para trabalhar. Ele contou que surtou com o choro da menina e começou a mordê-la enquanto tinha apenas 32 dias de vida. Ela teve machucados nas pernas, nádegas, membros superiores e inferiores e orelhas.

Ele está preso preventivamente (Foto: reprodução / G1)

Após as agressões, a criança foi socorrida pela avó paterna e levada primeiro à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. Devido à gravidade dos ferimentos, a menina precisou ficar no Hospital da Criança e Maternidade, onde recebeu alta hospitalar na última terça-feira, 19 de novembro.

A delegada afirmou também, ao G1, que o suspeito será indiciado por homicídio qualificado. Em defesa, o advogado de Wilian disse que ele é usuário de drogas e possui problemas mentais.

Leia também:

Absurdo! Bebê de 1 ano volta de creche com 15 mordidas e diretora conta como isso aconteceu

Mãe pede indenização por mordida que o filho levou de coleguinha na creche e juíza surpreende na resposta

Criança precisa fazer cirurgia de emergência após mordida de gato

-Publicidade-