Colunistas

Trabalho de parto: quando é a hora de ir ao hospital?

Existem muitas fases até chegar lá

O trabalho passa por diversas fases (Foto: Shuttestock)

A maior confusão quando a mulher começa a entrar em trabalho de parto é saber distinguir os alarmes falsos das contrações verdadeiras. Conforme a data do parto for se aproximando, você poderá sentir que as contrações estão te incomodando um pouco mais que o normal e estão bem intensas, além disso, as verdadeiras também são dolorosas.

Esse momento tem fases, então é importante saber cada uma delas. Olha só:

Pródromo do trabalho de parto

É a fase inicial, parece que vai engrenar, as contrações começam a aparecer com mais frequência, mas elas param novamente. É importante saber que isso ainda não é o trabalho de parto.

Latente

Isso é o que caracteriza o início do trabalho de parto. Ou seja, a mulher começa a notar as contrações, a barriga fica dura, acontece uma pressão na pelve, uma sensação de cólica menstrual e algumas mulheres também sentem uma dor na lombar. Tudo isso em um padrão cíclico que não cessa mais. Normalmente essa fase dura muitas horas porque para ganhar os primeiros centímetros de dilatação é demorado.

Ativa

Quando as contrações tiverem uma frequência de 5 minutos ou menos de intervalo entre elas, ou seja, aproximadamente 3 contrações em 10 minutos, isso caracteriza o início dessa fase, que na real é o trabalho de parto propriamente dito. Normalmente quando a mulher é examinada neste momento, ela costuma ter de 3 a 5 cm de dilatação. Agora sim é considerada a hora ideal para ir ao hospital.

Período expulsivo 

Esta fase é aquele trecho final do canal vaginal entre a dilatação total e o nascimento do bebê, que hoje se sabe que a pode demorar mais do que acretiva-se antigamente.

Veja o vídeo completo sobre o assunto:


Não se esqueça de se inscrever no canal e deixar o seu like.

Leia também:

Mel pode diminuir as dores de contração durante trabalho de parto

Três sinais de que você está em trabalho de parto

Tire suas dúvidas! Pode alimentação durante o trabalho de parto?