Fernanda Machado fala de reta final da gestação e desabafa sobre tragédia na família

A atriz abriu o coração e contou do momento difícil em que tem passado com o marido e o filho nos Estados Unidos durante a pandemia de coronavírus

Resumo da Notícia

  • Fernanda Machado está esperando pelo segundo filho
  • Atualmente ela mora nos Estados Unidos com o marido e o primogênito
  • A atriz fez um desabafo sobre a pandemia de coronavírus
  • Ela entrou na reta final da gestação
Ela está esperando pelo segundo filho (Foto: Reprodução/ Instagram @realfemachado)

Nesta quinta-feira, 21 de maio, Fernanda Machado, que está esperando pelo segundo filho, usou as redes sociais para fazer um desabafo após entrar na reta final da gestação. Atualmente, ela mora nos Estados Unidos com o marido Robert Riskin e o filho, Lucca.

Na legenda, ela começou: “Essa semana completamos 36 semanas, e hoje foi dia de exame semanal pra checar meu bebê. Muita gratidão por ele estar bem e saudável! 9 meses sentindo o milagre e a força da vida crescendo dentro de mim…”.

Em seguida, ela comentou sobre as dificuldades que tem passado com a gravidez em meio à pandemia de coronavírus: “Eu, como todo grávida, sempre quis ter uma gravidez tranquila, tentando evitar tristezas, preocupações e stress. Na gravidez do Lucca, tentando evitar energias negativas, eu parei de ver noticiário e fiquei 5 anos sem ver, foi a melhor coisa que fiz. Tive a gravidez dos sonhos com o Lucca, foi tudo tão tranquilo, tantas alegrias, curti cada segundo…Mas o que fazer quando a vida te manda momentos tristes e difíceis?!”.

Fernanda Machado falou ainda sobre a dificuldade em meio à pandemia de coronavírus (Foto: reprodução / Instagram @realfemachado)

A atriz ainda falou sobre a morte do sogro e como está se sentindo com a situação: “Mas o que fazer quando a vida te manda momentos tristes e difíceis?! Momentos, que infelizmente, não temos como evitar, e você tem um bebezinho dentro de você, que não entende o que está acontecendo aqui do lado de fora, mas sente tudo o que a gente sente… Essas últimas semanas de gravidez foram especialmente difíceis. Além das preocupações da pandemia, meu sogro teve que ir pro hospital no meio dessa loucura toda, teve uma cirurgia grande que nos deixou super aflitos. Na mesma semana que eu soube que minha placenta não subiu e que precisarei de uma cesárea. Chorei muito no meu adeus final ao meu sogro, eu sabia que era a última vez que estaria com ele, ele abriu os olhos e sorriu pra mim. Logo em seguida sofremos a perda dele, passar por tudo isso com um bebêzinho na barriga não é algo fácil”.

“Eu confesso que desmoronei emocionalmente, me senti culpada por todos esses sentimentos tristes que meu bebê está sentindo ainda tão pequeno dentro de mim… Mas a verdade é que por mais que eu queira proteger meu bebê dessas tristezas, me parece impossível evitar o inevitável”, desabafou ao falar sobre como é importante proteger Leo de dentro da barriga.

Ao concluir, Fernanda Machado ainda mandou um recado para as outras grávidas: “Força pra todas as grávidas que estão passando por momentos de turbulência, por conta dessa pandemia, ou por qualquer outro motivo, eu sei que você não sonhou com uma gravidez assim. Mas eu acredito que a vida que cresce dentro de nós, nos dará forças pra seguir em frente”.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!