Coronavírus: 5 coisas que você deve desinfetar agora para evitar ficar doente

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) enfatizam a importância da desinfecção para conter a transmissão da doença. Confira itens que você deve manter limpos

Resumo da Notícia

  • A higienização das mãos e de alguns itens é a medida mais indicada para a prevenção do coronavírus
  • De nada adianta lavar as mãos com frequência se objetos como celulares e maçanetas continuam infectadas
  • Confira uma lista com 5 itens que você deve desinfetar agora para prevenir a doença e como fazê-lo
5 coisas que você deve desinfetar para prevenir doenças (Foto: Getty Images)

As pessoas geralmente aumentam seus esforços de limpeza durante a temporada de gripes e resfriados, mas a disseminação do novo coronavírus (COVID-19) estimulou medidas extremas e por boas razões. Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) enfatizam a importância da desinfecção para conter a transmissão da doença.

A melhor maneira de prevenir o coronavírus é lavar as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos, diz Miryam Wahrman, Ph.D., professor de biologia e diretor do laboratório de pesquisa em microbiologia da Universidade William Paterson e autor do The Hand Book: Sobrevivendo em um mundo cheio de germes. Mas seus esforços para lavar as mãos se tornam inúteis assim que você toca em seu telefone, teclado ou maçaneta cheia de germes – que introduz as bactérias de volta ao seu corpo.

“As evidências atuais sugerem que o novo coronavírus pode permanecer vivo por horas ou até mesmo dias em superfícies feitas de uma variedade de materiais”, diz o CDC. “A limpeza de superfícies visivelmente sujas seguidas de desinfecção é uma prática recomendada para a prevenção do COVID-19 e de outras doenças respiratórias virais em residências e ambientes comunitários”.

Para evitar se contaminar, aqui vão 5 coisas que você deveria manter desinfetadas e as melhores formas de limpá-las:

  • Seu celular 

Como os estudos dizem que os telefones celulares têm ainda mais germes que os assentos sanitários, há muita exposição a bactérias potencialmente causadoras de doenças. A Apple diz que os consumidores podem usar “um lenço de álcool isopropílico a 70% ou toalhas desinfetantes Clorox” no exterior do iPhone. Você também pode esterilizar o telefone com um pano de microfibra pulverizado com uma solução desinfetante à base de álcool, como álcool isopropílico 70%, diluído em água na proporção de um para um. Nunca limpe um telefone com líquido ou deixe produtos de limpeza penetrarem em qualquer abertura.

  • Objetos de muito toque

Como o coronavírus pode potencialmente durar dias em superfícies, desinfecte regularmente superfícies de alto toque, como maçanetas, controles remotos, interruptores de luz e etc. Não tem certeza de quais produtos usar? Confira a lista de produtos desinfetantes da Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA) que foram comprovadamente eficazes contra o COVID-19. Muitos desses desinfetantes precisam permanecer na superfície por alguns minutos, o que aumenta sua eficácia antes de limpá-los. Leia sempre as instruções antes de usar.

  • Balcões de cozinha

Os balcões de cozinha tendem a ser um atrativo para bolsas, telefones celulares e chaves – mas também são vitais para a preparação de alimentos e reuniões de família. Desinfecte com produtos de limpeza formulados para sua bancada (alguns produtos podem danificar granito ou mármore, por exemplo) e siga as instruções na embalagem. É especialmente importante limpar as bancadas antes de preparar comida ou comer nelas.

  • Teclados

Esteja você trabalhando no escritório ou em casa, o teclado é um ponto quente para germes e bactérias. Veja como desinfectar: ​​Depois de desconectar o teclado, segure-o de cabeça para baixo e agite-o para remover detritos soltos. Em seguida, limpe cuidadosamente as teclas com um pano desinfetante ou um pano de microfibra pulverizado com uma solução de limpeza.

  • Brinquedos e cobertores 

As crianças carregam muitos germes que causam resfriados, gripes e até mesmo o coronavírus. Isso é especialmente assustador, pois os sintomas do coronavírus geralmente são leves em crianças – e algumas crianças são completamente assintomáticas. Jogue cobertores e bichos de pelúcia na máquina de lavar (desde que as etiquetas indiquem que está tudo bem) e desinfecte outros brinquedos com sprays ou panos de limpeza. Verifique se os itens estão completamente secos antes de devolvê-los às crianças.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!