Pais

Sonho de mãe vira negócio: “O foco é comida divertida e saudável”

Tudo começou preparando as refeições para sua filha

Yulia Serra

Yulia Serra ,filha de Suzimar e Leopoldo

Rebeka resolveu colocar o sonho em prática e criou a Comida Divertida Kids (Foto: reprodução/Arquivo Pessoal)

A hora de comer é um desafio para muitos pais de primeira viagem. Pensando nisso, Rebeka Brito, apaixonada por gastronomia, resolveu criar um negócio diferente. A Comida Divertida Kids oferece várias opções saudáveis de um jeito criativo. Entenda melhor essa história:

“Sou Brasiliense, criada em Goiás, casada com gaúcho e temos uma filha curitibana. Me mudei com esposo e filha de 6 anos de Curitiba para Barueri há 1 ano.

A maternidade me fez ter um olhar lúdico para as comidas. Quando iniciou a fase dos alimentos da Maria Valentina, eu dormia e literalmente sonhava com frutinhas falantes com olhinhos e boquinhas.

Eu acordava e anotava as ideias. Assim comecei a aventura das comidas lúdicas. Quando a Maria Valentina estava com quase 5 anos, meu marido foi transferido para Barueri, onde moro atualmente, e me vi sem meu trabalho (uma empresa de semijoias) então decidi me reinventar.

Os doces são pensados para as crianças (Foto: reprodução/Instagram)

Ainda em Curitiba, fiz um curso de confeitaria pelo Senac e comecei a aplicar técnicas de confeitaria na arte de fazer comida para Maria Valentina, então já tinha uma certa experiência sobre o que ela gostava.

Quando cheguei em Barueri na região de Alphaville, percebi que não existia esse trabalho lá. Então comecei os testes, enviei amostras para várias mães até ter segurança em lançar o cardápio e assim comecei meu empreendedorismo.

A Comida Divertida Kids acabou de completar 1 ano, tudo ainda é muito artesanal, trabalho em casa, mas preciso expandir. É um diferencial de mercado pois foco em comida divertida e saudável. Uso verduras e frango orgânico e faço a troca de ingredientes ruins por mais saudáveis para um resultado melhor.

Criatividade é o que não falta na hora de preparar o cardápio (Foto: reprodução/Instagram)

Esse negócio tem alegrado meu coração. Quando recebo mensagens de mães dizendo que os filhos não comiam nada de verduras/folhas e hoje adoram o pandinha de espinafre, não tem preço.

Minha missão é fazer com que crianças entendam que verduras são saborosas da forma mais divertida possível. A maternidade me fez nascer de novo e a cada mudança me reinvento empreendendo.”

Se você também foi transformada pela maternidade e abriu um negócio próprio, conte sua história para nós pelo direct do Instagram (@paisefilhosoficial) e participe do projeto Nascer de Novo, nossa parceria com a Brascol para valorizar o empreendedorismo materno.

A ideia é trazer diversão para a hora de comer (Foto: reprodução/Instagram)

Leia também:

Maternidade transforma trauma de mulher em propósito de vida

Mãe vira empreendedora para acompanhar a filha de perto: “Nada se compara a isso”

Mãe cria doceria após demissão do trabalho: “Decidi que seria minha própria patroa”