Criança

Mãe se revolta após professora destruir espírito de Natal da filha

O que você faria?

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Reprodução)

Mãe disse que está tentando controlar “danos emocionais” da filha de 6 anos (Foto: Reprodução)

Na Austrália, uma professora revelou às crianças de sua sala de aula que Papai Noel não existe. Lisa Simek, mãe de Emilia, de 6 anos, desabafou em seu Facebook dizendo que a professora tentou “destruir o espírito” da filha e das 22 crianças que estudam com ela no colégio de Montville.

Lisa relatou que a professora substituta perguntou aos alunos qual era o feriado que estava próximo. Quando os alunos responderam que era o Natal, ela disse que o Papai Noel não existia e que os presentes eram comprados e colocados pelos pais debaixo das árvores. Além disso, a docente também falou as mesmas coisas sobre o Coelho da Páscoa e sobre a Fada do Dente.

O relato repercutiu nas redes sociais e, para amenizar a frustração das crianças, alguns alunos de jornalismo se ofereceram para escrever cartas com remetentes do Polo Norte. “Estou rezando por um milagre de Natal para que essas crianças continuem acreditando enquanto for possível”, Lisa escreveu em seu Facebook.

Contudo, depois que o relato repercutiu nas redes, Lisa pediu para que as pessoas parassem de fazer comentários negativos sobre a professora, porque ninguém sabe o que fez ela agir dessa maneira.

(Foto: Reprodução / Facebook Lisa Simek)

Lisa postou o desabafo em seu Facebook junto com a matéria que dizia “Papai Noel não é real, professora substituta de Montville revela para seus alunos” (Foto: Reprodução / Facebook Lisa Simek)

Em entrevista ao G1, a psicóloga infantil Lena Lois disse que não existe um momento certo para contar a verdade para as crianças, elas podem descobrir na escola com os amigos ou em casa, porém disse também que “sempre fica um resto de fantasia que tem que ser desvelado pelas famílias”.

“O educador não deve impor isso”, disse a professora de psicologia educacional da Unicamp, Cecília Azevedo Lima Collares em entrevista ao G1. Cecília explicou que os professores só devem revelar a verdade caso a questão apareça de forma natural e coletiva na sala de aula.

Leia também:

Família publica texto emocionante após encontrar o primeiro Papai Noel negro

Vídeo: Papai Noel causa tumulto em shopping após abandonar crianças

15 coisas que acontecem no Natal quando você tem uma família grande