Criança

Polícia vai atrás do humorista Carlinhos Silva por atraso de pensão e ex-esposa desabafa: “Lamento o ser humano que ele é!”

Carlinhos deve cerca de R$ 650 mil à ex-companheira

Letícia Vaneli

Letícia Vaneli ,filha de Alcides e Eugênia

(Foto: Reprodução/Instagram)

A história está cada vez mais triste! Na tarde desta segunda-feira, 16 de setembro, a divisão de captura da polícia civil foi atrás do humorista Carlinhos Silva, em São Paulo, com um mandato de prisão por falta de pagamento da pensão alimentícia para o filho.

O programa Cidade Alerta entrou em contato com Aline Hauck para que ela comentasse sobre a possível prisão do ex-companheiro. “Eu nunca quis falar sobre esse assunto porque é o filho que está sendo exposto pelo pai”, afirmou a ex-dançarina.

Ela revelou que muitas informações passadas por Carlinhos são falsas. “Eu tenho mensagens, eu tenho testemunhas! Meu filho merece ter pai e mãe!” Aliás, ela contou que se houvesse o proibido de visitar o filho, Carlinhos teria o direito e dever de entrar com recurso na justiça.

“A minha advogada disse que não tínhamos mais o que fazer e entramos com o mandato de prisão ano passado, após sete anos”, contou. “Chegou num ponto que a situação está insuportável!”

Carlinhos contou que o valor que ele deveria pagar de pensão ao filho não mudou desde que o seu salário sofreu alterações. Ele disse também que enquanto o valor pago não for de acordo com a realidade que ele vive, ele não pagará.

“Nós tentamos de tudo para que não chegasse a isso. Até quando eu vou ser exposta e calada? Já são 8 anos”, desabafou Aline. “Eu lamento por ele, pelo ser humano que ele é!”

“Desde que fiquei grávida, eu sou mãe solteira. Nós somos sozinhos. Do outro lado, nunca veio nada. A única coisa que pedi foi o plano médico e ele cancelou”, relembrou Aline o momento que levou o filho até a emergência e descobriu que o plano de saúde não estava funcionando

“Eu tive que mudar a minha rotina, porque eu estou sendo atacada.”Ao comentar que recebeu ameaças do humorista, Aline decidiu não prolongar o assunto, preferindo não entrar em detalhes.

“Ele fica 30 dias e depois é liberado. A prisão não é uma decisão minha, mas da lei. Na verdade, ela não muda o valor. Eu prefiro que ele resolva com os advogados e que esta situação acabe!”

O advogado do humorista também foi entrevistado e afirmou que está esperando a liminar para que o seu cliente não seja preso. Ele também disse que não orientou Carlinhos se esconder da polícia.

Lado de Carlinhos

Após alguns minutos, o humorista também explicou o seu lado da história no programa Cidade Alerta.

“Eu estou esperando a resposta da justiça. Eu quero resolver isso pelo terceira vez” Eu não quero fazer graça para a mãe ou pra a imprensa”, desabafou o humorista. “Eu tenho 27 boletins de ocorrências, eu sempre paguei e ia buscar o meu filho nos finais de semana e não o via”, complementou.

“Se eu for preso, sem julgar o processo. Vou sair e ter que pagar R$ 7 mil e eu estou desempregado“, explicou o humorista quando o assunto prisão chegou a tona.

Entenda o caso

O humorista Carlinhos Silva deixou todos espantados nesta quinta-feira, 12 de setembro, ao falar sobre a sua situação com a policia. O ex-integrante do programa Pânico está foragido da justiça e deve R$650 mil de pensão para o filho de 8 anos. “Parei de pagar a pensão porque não existe penitência para a mulher”, disse o humorista em entrevista ao programa Fofocalizando, do SBT.

Carlinhos aproveitou a oportunidade para explicar o porque do valor tão alto.  “O total beira esse valor porque as contas são feitas de seis anos para cá. Não foi revisado. Não vou pedir ajuda para imprensa, implorar para juiz e desembargador. O advogado dela falou para a juíza que eu não quis acordo”.

Além de acreditar que a Justiça e a ex-mulher acreditam que ele mente o valor da conta bancária, o humorista afirmou que se sente injustiçado. “A minha cobertura, que é maravilhosa, está penhorada. Não posso trabalhar para pegar a pensão. Sou um pai injustiçado, sempre implorei para estar com meu filho. Dinheiro vai depois, primeiro é meu filho“, reclamou.

Logo depois, ele complementou revelando as estratégias que teve para ter uma relação melhor com a mãe do seu filho. “Tentei de novo o acordo, pagar escola, plano de saúde e comida. Mas ela não quer acordo! A pensão está em quase sete mil reais e eu tenho que trabalhar.” Carlinhos afirmou que voltou a pagar, mas a mãe o proibiu de ver o filho. “De janeiro para cá voltei a pagar a pensão, mas ela não me deixou ver o meu filho e parei de pagar”, contou.

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos:

Leia também:

Como e quando pedir pensão 

Humorista deve 650 mil reais de pensão alimentícia: “Parei de pagar porque não existe penitência para a mulher”

Cantor Leonardo abre o jogo sobre pensão de filhos: “Nunca cortei, sou um pai de coração bom”