;
Criança

Estudo: número de avós que criam os netos cresce cada vez mais e isso é muito bom

Todo mundo sai ganhando

Rhaisa Trombini

Rhaisa Trombini ,Edileyne e Geraldo

(Foto: Getty Images)

é mãe duas vezes, não é mesmo? Quem conhece aquela sensação de chegar na casa da avó e depois sair cheio de amor (e comida) entende o que estamos falando.

E não é para menos que o número de avós criando crianças nos Estados Unidos cresceu nos últimos anos. A pesquisa foi realizada pela Conferência Nacional  da Academia Americana de Pediatria-2018 (AAP) e os índices continuam subindo!

O estudo compara um número significativo de crianças criadas tanto pelos avós quanto pelos pais, biológicos e adotivos. A conclusão foi que mães e pais não estão conseguindo cumprir com as responsabilidades da maternidade/paternidade, pedindo para os avós assumirem o papel de cuidar dos netos.

Por conta dessa responsabilidade, os avós podem acabar desenvolvendo problemas de saúde física e mental. Além disso, eles geralmente têm renda familiar abaixo da média, níveis mais baixos de educação e geralmente são solteiros.

(Foto: Getty Images)

Segundo o estudo, as crianças cuidadas pelos avós têm maior probabilidade sofrer experiências adversas na infância. Eles também podem ficar zangados e ansiosos com mudanças e perder a paciência mais facilmente.

A conclusão da pesquisa foi que não existe grande diferença entre a criação dos pais e dos avós.

Mas tem uma vantagem para os avós nessa história. Segundo estudo publicado na Evolution and Human Behavior, avós que ajudam a cuidar do netos vivem mais do que aqueles que não participam tanto da rotina das crianças.

Os idosos que cuidavam dos netos tiveram uma vida mais longa. Eles viveram cerca de 10 anos depois que o estudo foi feito. Os que não ficavam muito com crianças, faleceram cinco anos após a pesquisa.  Também se concluiu que os idosos que não tinham netos, mas cuidavam de outras crianças, também viveram mais.

Então, pode deixar seu filho na casa dos avós que só vai trazer benefícios para os dois!

Leia também:

Avós de hoje se envolvem mais na vida dos netos e estudo mostra porque você não deve contrariar

Dia dos Avós: entenda porque eles são tão importantes para seu filho

Está comprovado: viajar com os avós é mais divertido!